busca
| | |




Você está em
autor Otavio Culler
28/08/2019 10:51:56 - Atualizado em 28/08/2019 10:51:56 cadastre sua notícia/anúncio grátis

Notícias Veículos e Máquinas

RenovaBio deve ser implantado até final do ano

"O Programa RenovaBio foi desenvolvido para apoiar as metas da COP21 no Brasil".

A Política Nacional de Biocombustíveis do Brasil, o programa RenovaBio, deverá ser implementada no final de dezembro de 2019. De acordo com um relatório divulgado pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), mais de quarenta usinas de biocombustíveis solicitaram o processo de certificação.

“O Programa RenovaBio foi desenvolvido para apoiar as metas da COP21 no Brasil. A RenovaBio foi lançada em dezembro de 2016 pelo Ministério de Minas e Energia (MME) e foi instituída como a “Política Nacional de Biocombustíveis”. O programa deverá ser efetivo até o final de dezembro de 2019”, diz o texto.

Nesse cenário, em 28 de junho, a União Europeia e o Mercosul chegaram a um acordo provisório sobre um tratado de livre comércio (ALC), concluindo duas décadas de negociações. “O texto final e os agendamentos de acesso ao mercado ainda precisam ser determinados e não têm prazo definido. O Mercosul receberá tarifas preferenciais sob Cotas Tarifárias (TRQ) para as diversas categorias de produtos, incluindo o etanol”, completa.

“A produção total de etanol do Brasil para 2019 é estimada em 34,45 bilhões de litros, um aumento de quatro por cento em comparação com o valor revisado para 2018. A produção total de etanol de milho em 2019 é estimada em 1,4 bilhões de litros, um aumento de 609 milhões de litros em comparação com 2018. A produção total de etanol celulósico é estimada em 45 milhões de litros e representa uma participação insignificante na produção total de etanol no Brasil. Nenhuma mudança significativa foi feita na situação atual da pesquisa, desenvolvimento e produção de biocombustíveis avançados”, conclui.

Fonte: Leonardo Gottems – Agrolink.


TAGS Programa , renovabio , implantado , final do ano , Brasil


Galeria de Imagens


Comentários



Agron © 2019
Agronegócios online
Desenvolvido por Agron sob consultoria especializada criodigital | todos os direitos reservados.