busca
| | |




Você está em
autor Lucas Motta
06/09/2010 10:57:24 - Atualizado em 06/09/2010 10:57:24 cadastre sua notícia/anúncio grátis

Notícias Notícia

Financiamentos diversificam negócios

Um empreendimento que gera frutas tipo exportação na Fronteira-Oeste do RS vem impulsionando a diversificação de cultivos na região. A fruticultura surgiu como uma opção à pecuária extensiva de corte e aproveita as condições de clima e solo favoráveis aos pomares. A Citrusul começou a implantar pomares em Rosário do Sul há quase 15 anos e hoje projeta uma produção de 4 mil toneladas entre laranjas e bergamotas sem sementes. “O cultivo de variedades sem sementes já era um sucesso no mercado internacional, por isso resolvemos trabalhar com a espécie no Estado”, afirma o pesquisador da Embrapa Clima Temperado, Roberto Pedroso de Oliveira.  O solo arenoso e profundo e clima ameno s&ati lde;o aliados de 17 produtores que tocam a atividade na região, cujos empreendimentos estão localizados cidades de Itaqui, Rosário do Sul, Santa Margarida do Sul, Santana do Livramento, São Gabriel e Uruguaiana.  A parceria da Citrusul se dá através da compra da produção e beneficiamento das frutas para comercialização em toda a região Sul, além de São Paulo e Distrito Federal. “Os produtores cultivam 4,5 mil mudas de citros em uma área de 2,5 mil hectares, mas ainda vamos chegar ao objetivo de 2 milhões de mudas”, afirma Naldo Beck Epifanio, presidente da Associação dos Citricultores da Fronteira-Oeste (Ascifro), também responsável pela área de marketing da Citrusul.  Os empreendimentos na região são possíveis em boa parte pelo financiamento junto à CaixaRS, que disponibiliza linha do Finame Agrícola com juros de 5,5% ao ano e prazo de dez anos para pagamento, voltada à compra de máquinas e implementos. Já para a implantação de novos pomares, o programa de financiamento é o Moderagro Fruta, com prazo de oito anos para o pagamento e juros de 6,75% ao ano. “O papel da CaixaRS é financiar os setores já existentes e os que estão surgindo. No caso da citricultura, estamos incentivando uma nova atividade na região”, considera o diretor de Operações da CaixaRS, Rogério Augusto de Wallau. Na manhã de ontem, na Expointer, quatro contratos de financiamento foram concedidos à Citrusul, somando R$ 1,2 milhão para o investimento em equipamentos de beneficiamento das frutas.

fonte:Jornal do Comércio


TAGS


Galeria de Imagens


Comentários



Agron © 2017
Agronegócios online
Desenvolvido por Agron sob consultoria especializada criodigital | todos os direitos reservados.