busca
| | |




Você está em
autor Luiz Carlos
18/08/2010 13:56:30 - Atualizado em 18/08/2010 13:56:30 cadastre sua notícia/anúncio grátis

Notícias Notícia

Perto da cana transgênica

CTC lançará até 2015 a primeira geração de vegetais resistentes a seca, herbicidas, pragas e com mais açúcar
 
As primeiras variedades transgênicas de cana-de-açúcar desenvolvidas pelo Centro de Tecnologia Canavieira (CTC), em Piracicaba (SP), serão até 25% mais produtivas e estarão disponíveis ao produtor em 2015.
 
Há pelo menos três anos o CTC testa, em campo - e em segredo - a primeira geração de variedades resistentes a pragas, herbicidas, à seca, bem como com teor maior de açúcar. As primeiras cultivares terão o gene Bt, que dá resistência a insetos, como a broca, que traz perdas de 3% a 25% da cultura anualmente. "A variação ocorre pelo tipo de tratamento químico e biológico que o produtor dá ao canavial. Se ele tiver o top de tecnologia no controle da praga já terá 3% de ganho se utilizar uma variedade transgênica", diz o diretor de Pesquisa e Desenvolvimento do CTC, Tadeu Andrade.
 
Outras variedades de cana, estas desenvolvidas em parceria com a Basf, serão tolerantes ao herbicida aplicado no período pré-emergente, antes da brotação. Com isso, o mato é controlado logo após o plantio e a cana não é prejudicada pela aplicação do defensivo. É possível também que as primeiras variedades transgênicas tenham resistências múltiplas, tanto para insetos, quando para o herbicida. "É um processo que chamamos de estaqueamento, pelo qual conseguimos inserir os dois ou mais genes em uma mesma variedade", explica Andrade.
 
Supercanas 25% mais produtiva será a cana transgênica em relação à comum 3% de ganho contra a broca o produtor terá se usar cana transgênica.
 
Fonte: O Estado de São Paulo


TAGS


Galeria de Imagens


Comentários



Agron © 2017
Agronegócios online
Desenvolvido por Agron sob consultoria especializada criodigital | todos os direitos reservados.