busca
| | |




Você está em
autor Luiz Carlos
13/07/2010 16:08:59 - Atualizado em 13/07/2010 16:09:00 cadastre sua notícia/anúncio grátis

Notícias Notícia

Produção brasileira de suínos cresce 21,8% em cinco anos

O aumento da renda interna, o crescimento da população e das exportações são os três principais fatores que têm garantido sólida base de expansão da cadeia produtiva.
A produção brasileira de carne suína aumentou nos últimos cinco anos 21,8%, acompanhando o comportamento da demanda interna e a crescente participação no mercado mundial, segundo informações divulgadas nesta quarta-feira pela Associação Brasileira da Indústria Produtora e Exportadora de Carne Suína (Abipecs).

No período, a produção industrial de suínos foi a que mais se ampliou (36,7%), enquanto a produção de subsistência (destinada ao auto-consumo nas propriedades, as quais eventualmente vendem algum excedente) registrou queda (-34,1%), indicando que a atividade suinícola no País esta em rápido processo de profissionalização.

Os abates totais, de 2004 a 2009, aumentaram 27,6%, com destaque para os realizados sob Inspeção Federal-SIF, que cresceram 38,8%, enquanto que aqueles com outras certificações diminuíram 3,4%, pois algumas plantas industriais, que tinham certificação estadual, passaram a ter o status federal.

Entre 2004 e 2009, os abates sob SIF passaram de 77,7% para 83,1% dos abates totais, confirmando o avanço das garantias dadas à carne suína brasileira. No período, a produção destinada ao auto-consumo (subsistência) caiu (-17,6%). Esta parcela da produção não é rastreada e, com a sua gradativa redução, os riscos sanitários também se reduziram.

As exportações, de 2004 para 2009, aumentaram apenas 19,0%, pois o potencial de crescimento foi afetado pelas barreiras comerciais impostas pelos principais países importadores. Também contribuíram para esse desempenho o alto nível de subsídios nas exportações da Europa e dos Estados Unidos e, em menor proporção, a melhora na competitividade da produção norte-americana. Em compensação, o mercado interno brasileiro cresceu, no mesmo período, 22,4%, principalmente nos últimos dois anos.

Fonte: Valor Econômico


TAGS


Galeria de Imagens


Comentários



Agron © 2017
Agronegócios online
Desenvolvido por Agron sob consultoria especializada criodigital | todos os direitos reservados.