busca
| | |




Você está em
autor Selmos
17/11/2009 12:57:53 - Atualizado em 17/11/2009 12:57:53 cadastre sua notícia/anúncio grátis

Notícias Notícia

Número de abates cresceu em outubro no ms

\"boiApós vários meses de redução nos abates de bovinos, em outubro dos frigoríficos de Mato Grosso do Sul atingiram o maior volume desde janeiro de 2008, conforme dados da Superintendência Federal de Agricultura.

Foram 286.758 animais abatidos, o que representa aumento de 11,8% em relação ao volume de abates de setembro. Se comparado com outubro do ano passado a reação é de 27%.

O presidente do Sindicato Rural de Campo Grande, José Lemos Monteiro, afirma que o aumento em outubro decorreu da liquidação dos animais criados em confinamento. Ele ressalta que neste ano os pecuaristas receberam R$ 74,00 pela arroba em plena entressafra ao passo em que na safra passada a negociação era na casa dos R$ 85,00.

"Os frigoríficos estão matando as galinhas de ovos de ouro deles", afirma. Segundo ele, o custo fixo é de R$ 79,00 por arroba.

Como segurar animais de confinamento no pasto significa perder de R$ 3,50 a R$ 4,00 ao dia, os estoques foram liquidados. "Neste ano as chuvas vieram mais cedo e já começamos a ter boi de pasto, mas neste caso é diferente porque se o preço não estiver bom o produtor pode segurar", afirma.

Sendo assim, para este mês e o próximo a expectativa é de queda nos abates. O setor prevê que neste ano os abates não passem dos 2,8 milhões de animais ao passo em que no ano passado atingiram 3 milhões. Até outubro eram 2,5 milhões, segundo a SFA.

Fonte: Fernanda Mathias,  Campo Grande News


TAGS


Galeria de Imagens


Comentários



Agron © 2016
Agronegócios online
Desenvolvido por Agron sob consultoria especializada criodigital | todos os direitos reservados.